Olá! Gostaria primeiramente de esclarecer o significado da palavra “Desapegar”. E por que isso? Porque entender o seu real significado é parte importante do processo.

Segundo o dicionário, “desapegar” significa: fazer perder ou perder o envolvimento, a dependência ou o compromisso com; afastar(-se), libertar(-se).

Pois bem, agora com o conceito bem definido do desapego é que quero frisar o porque é parte importante da nossa caminhada espiritual.

Como você pode ver, desapegar significa afastar(-se) ou libertar(-se) de algo ou de alguém ou ainda de alguma situação que possa lhe trazer desconforto e falta de paz.

Durante anos em nossas vidas, nós acumulamos coisas, pessoas, situações mau resolvidas, enfim, muita coisa que pode impedir o nosso progresso e a nossa caminhada espiritual, não é verdade?

A todo momento somos influenciados a fazer determinadas coisas que em certos momentos não o faríamos. Isso vale para tudo em nossas vidas.

Vamos começar falando de objetos

Ter “coisas” que achamos ser importantes para a gente é fantástico, mas como fica aquele objeto que você comprou há muito tempo e você nem olha mais para ele? Ou ainda aquele objeto que você ganhou, mas não te traz um sentimento bom?

O que fazer com isso? DESAPEGUE!

Isso mesmo, desapegue. Doe para alguém, jogue fora, o importante é não deixar aquele objeto sem uso ou que não lhe traz boas lembranças com você. Fazendo isso você estará liberando espaço para receber coisas novas e principalmente fazendo a energia voltar a circular. Coisas paradas e sem uso acumulam energia.

Não estou me referindo a se desapegar de lembranças. Isso ficará com você pra sempre. Claro, a não ser que seja uma lembrança ruim, aí sim você deve se desapegar dela também e fazendo um coisa muito simples. PERDOANDO.

Perdoar é libertador, tanto para quem perdoa, quanto para quem recebe o perdão mesmo que o pedido de perdão seja feito mentalmente. Afinal, somos seres que temos uma energia fantástica e que podemos nos comunicar uns com os outros através de vibrações. Ao emanar a vibração do perdão, você estará irradiando uma energia grandiosa que fará com que o receptor capte inconscientemente.

Não sabe como perdoar?

Mentalizando a seguinte frase para:

Se for para uma pessoa:

Eu te perdoei e você me perdoou. Eu liberto você e a mim de qualquer culpa ou sentimento negativo que possa estar bloqueando o nosso processo evolutivo. Gratidão fulano(a).

(Repita várias vezes até que você sinta que a paz voltou ao seu coração e você se desapegou daquele sentimento ruim que nutria)

Se for uma situação:

Essa situação que passei ou estou passando é necessária para meu crescimento espiritual e agora eu a compreendo e a perdoou. Tudo já está voltando ao normal e me sinto em paz novamente. Gratidão.

Repita por quantas vezes achar necessário. O importante é sentir-se livre depois.

Se achar necessário, faça por várias vezes ao dia ou semana. O importante é se sentir em paz e livre daquela situação que amarra você e o impede de seguir em frente.

Voltando ao desapegar, vou falar agora sobre desapegar de velhos hábitos

Hábito: disposição duradoura adquirida pela repetição freqüente de um ato, uso ou costume; certo costume, prática, uso e etc…

Aqui, irei mencionar o hábito referente ao costume. Acostumar-se a fazer algo constantemente.

Abandonar velhos hábitos pode parecer uma coisa difícil, mas na realidade não é tão difícil assim. Em média, leva-se mais de 2 meses antes de um novo comportamento se tornar automático, 66 dias para ser mais exato. Mas pode variar muito, dependendo do comportamento, da pessoa, e das circunstâncias. De qualquer maneira, não é muito tempo, levando em consideração que determinados hábitos são praticados por anos.

Analise quais hábitos você tem que te incomodam e que você acredita que precisa mudar.

Comece com um dia de cada vez e comemore a cada vitória, vibrando a cada dia passado com sucesso na eliminação de um hábito que possa ser prejudicial para a sua vida e para a sua evolução espiritual.

Desapegar de pessoas ou situação

Isso pode parecer estranho ou frio, mas na realidade não há nada errado nos desapergarmos de pessoas ou situações que atrasam a nossa evolução. Observe como ao longo da sua caminhada espiritual, as pessoas ou situações saíram ou entraram em sua vida. Leia mais aqui.

Há situações e pessoas que podem estar impedindo você de evoluir e chegar aonde você deve chegar.

O primeiro passo é observar. Pense na pessoa ou na situação e diga imediatamente qual sentimento ela te traz? É um sentimento bom ou ruim?

Te traz conforto ou desconforto?

Se lhe trouxer desconforto, repense imediatamente e não tenha medo de se desapegar. Ao começar a mudar a sua vibração, automaticamente a pessoa ou situação começará a sair do seu caminho, pois se atraímos determinada pessoa ou situação é porque precisamos aprender algo com aquela pessoa ou situação. Uma vez identificado, comece o processo de libertação. Mentalize coisas positivas a respeito daquela pessoa ou situação. Envie boas vibrações para ela. Agradeça a ela por estar em sua vida e solte.

Cada pessoa tem a sua própria vida e sua própria experiência e ninguém pode dizer o que o outro realmente está sentindo, só ele(a) mesmo(a).

Por isso, não podemos julgar porque determinada pessoa fez ou faz algo que julgamos como incorreto. Não há certo ou errado, mas sim situações mau compreendidas ou interpretadas.

Então, desapegando do “julgamento” alheio, você não permitirá que as pessoas também o julguem.

Ame incondicionalmente, não permita que pessoas ou situações negativas lhe influenciem negativamente.

Como sempre digo em meus artigos, quando seguimos o nosso coração, não há erro. Não estou dizendo para seguir um coração carente. Mas sim, um coração que liberta, que ama sem esperar algo em troca, um coração livre de sentimentos negativos ou apegado as coisas.

O desapegar tem um poder libertador incrível e você sentirá a leveza que isso trará para a sua vida.

Vá sem medo. E se der medo, vá com medo mesmo, mas vá!

O importante é não parar porque deu medo. Lembre-se que o medo é paralisador.

Não é ruim ter medo, você só não pode permitir que ele impeça você de seguir.

Que o ato de desapegar abra o caminho da sua jornada espiritual para receber coisas, situações e pessoas de bem.

E por que isso é parte importante da sua caminhada espiritual?

Porque é desapegando que abrimos espaço para as coisas, situações e pessoas novas entrarem em nossa vida.

Alinhe-se com estas vibrações.

Fiquem com Deus e com quem e com o que lhe fazem bem!

Compartilhe este artigo com seus amigos! Ajude-os a também desapegar-se do velho para dar lugar ao novo!

Gratidão,

Zezzo

COMPARTILHAR
Artigo anteriorA Energia Transformadora da Gratidão
Próximo artigoO segredo do sucesso e da fama
Zezzo
Como um bom sagitariano tem forte originalidade, intuição e inspiração. Gosta de motivar as pessoas e ajudá-las a ver a vida de uma maneira mais leve e feliz. Gosta de aumentar a visão sobre as coisas, por isso precisa sempre viajar para expandir seus conhecimentos sobre o mundo. Profissional da área de Marketing Digital, sócio-proprietário da empresa DX2BRASIL e idealizador do site FILOSOFIA DO BEM. Adora contar experiências e trocar os conhecimentos de vida com as pessoas. Apaixonado e eterno estudioso por temas como espiritualidade, bem-estar, qualidade de vida, liderança e motivação. Coordenou grandes equipes e projetos com foco no cliente e na otimização de processos, suas bases de trabalho sempre estiveram na motivação pessoal, liderança de equipe e administração do tempo e resultados. No exterior, Irlanda, participou do programa de voluntariado na DDAI-Disable Drivers Association of Ireland Instituição que cuida dos direitos e deveres de pessoas com dificuldade de locomoção. Com a inspiração de levar o bem para as pessoas, um despertar e um sentido maior para a vida, idealizou a FILOSOFIA DO BEM.

Comentários