Sim, é isso mesmo, só te peço um sorriso.

Não serve aquele forçado, sem graça.

Quero um sorriso livre, leve, solto.

Mas, não somente para mim… Para o mundo!

Vamos fazer assim…

Você sai de casa e sorri para a primeira pessoa que encontrar do nada, apenas sorri.

Depois veja a reação.

A pessoa retribuiu ótimo, um sorriso já virou dois.

A pessoa não retribuiu¿ sem problemas, sorria para outra pessoa.

Imagine junto comigo, como o mundo seria bem melhor se ganhássemos um simples sorriso inesperadamente, de uma pessoa desconhecida.

Parece loucura, mas não é.

Isto é fazer o bem sem compromisso, é se libertar do cotidiano, dos problemas, das fraquezas, da incompreensão, é sair do quadrado.

Sorria ao acordar para você mesmo ao se olhar no espelho.

Sorria para agradecer mais um dia em sua vida de aprendizado.

Sorria para o amor da sua vida, esposa, filhos, pais, irmãos.

Sorria para seu pet, cão, gato, passarinho, peixe, ou seja, lá ele o que for.

Sorria como forma de gratidão por ter uma vida abençoada.

Apenas sorria.

Você sabia que pessoas que sorriem ficam menos doentes que as outras? É verdade.

Sorria, logo após dar um bom dia ao vizinho.

Sorria, logo após dar uma boa tarde ao colega de trabalho.

Sorria, logo após dar uma boa noite para qualquer pessoa.

Sorria com sua alma, mantenha-se calmo se não houver retribuição imediata, provavelmente a pessoa via estranhar, mas qual o problema?

Nunca viu ninguém reclamar de alguém que sorriu para outra pessoa¿ Eu também não.

Vocês irão se surpreender com os resultados.

Sorria sempre que puder, no carro, no Metrô, no Ônibus, no parque, no Shopping.

Apenas sorria.

Façamos uma corrente do sorriso, afinal de contas é grátis.

Chego ao final deste artigo, sorrindo para a tela de meu notebook, imaginando sua reação.

Espero que seja boa e principalmente que você esteja sorrindo.

Gratidão pela oportunidade de escrever este artigo, também sorrindo.

Abraço forte.

João Gilberto